Logotipo SEEB/MR
Logotipo SEEB/MR

Bancários de Macaé lançam Campanha Nacional 2018

Publicado em
Bancários de Macaé lançam Campanha Nacional 2018

O Sindicato dos Bancários de Macaé e Região realizou nesta quinta feira, 21, o lançamento da Campanha Nacional dos Bancários 2018. O ato teve início às 10 horas e durou por todo dia, com visitas pelos diretores em todas as agências bancárias de Macaé, conscientizando cada bancário(a) com um panfleto explicativo, sobre as possíveis alterações com base na nova lei e que provavelmente trarão grandes prejuízos para os trabalhadores, principalmente com o fim da ultratividade e com o conteúdo das principais reivindicações da Campanha. O movimento teve também adesivação nas agências, de 12 cartazes alusivos aos riscos de perdas dos nossos direitos após o dia 31 de Agosto, em função da reforma. 

A imagem principal da mídia deste ano é um Punho cerrado composto por milhares de trabalhadores unidos, símbolo de luta em vários momentos históricos pelo mundo, Com o mote “Todos por tudo, Resistir e vencer”, a categoria chama atenção da população não só para as suas reivindicações, mas também para a conjuntura complicada sofrida pelo País e pela classe trabalhadora.
A atividade serviu não só para divulgar as principais reivindicações da categoria, mas também para informar a população de que a Campanha Salarial, não se resume apenas às cláusulas econômicas e sociais. Os dirigentes destacaram que os bancários também fazem reivindicações que, se atendidas, trarão benefícios para a população que utiliza dos serviços bancários, como é o caso das demandas a respeito de segurança bancária.
Na oportunidade, os diretores do Sindicato divulgaram e convocaram a categoria a comparecer a Assembleia Geral que será realizada às 18:30h na sede administrativa do sindicato.

Principais reivindicações dos bancários


A pauta de reivindicações para este ano foi elaborada durante 20ª Conferência Nacional dos Bancários, realizada entre os dias 8 e 10 de junho em São Paulo. A minuta foi aprovada por bancários de Macaé e região em Assembleia, no dia 11 de junho, na sede do Sindicato, e foi entregue à Fenaban no dia 13 de junho.

Além do reajuste composto pela reposição da inflação mais aumento real de 5%, a categoria reivindica a garantia da vigência da CCT até que as partes firmem um novo contrato coletivo, assegurando a ultratividade, bem como garantias dos direitos conquistados.

Os trabalhadores cobram, também, a manutenção da mesa única de negociação e que a Convenção Coletiva seja válida para todos os bancários, independentemente do nível de escolaridade ou da faixa salarial.

A minuta ainda reivindica: garantia do emprego com a vedação das demissões em massa e da rotatividade, vedação dos acordos individuais de banco de horas, manutenção das homologações nos sindicatos e que a implantação de novas formas de jornada de trabalho previstas na reforma trabalhista, só possa ocorrer por meio de acordo coletivo de trabalho.

Outras importantes bandeiras da Campanha Nacional 2018 são:  A defesa dos bancos públicos – contra o desmonte e a privatização – e a defesa da democracia, com a eleição de candidatos que estejam comprometidos com a pauta da classe trabalhadora.

Seeb Macaé

 

ASSINE NOSSA NEWSLETTER