Logotipo SEEB/MR
Logotipo SEEB/MR

Caixa falha em resolver problemas em apps e central e reclamações explodem

Publicado em Caixa Econômica Federal
Caixa falha em resolver problemas em apps e central e reclamações explodem

Há pelo menos uma semana a Caixa falha em responder e solucionar problemas nos aplicativos do Caixa Tem e Caixa Habitação e também em sua central telefônica. De acordo com depoimentos no site Reclame Aqui, todos os canais estão fora do ar, o que faz com que quem deseje gerir o auxílio de R$ 600 pelo app ou solicitar a pausa no financiamento do imóvel não consiga concluir a operação.

O auxílio emergencial e a pausa no financiamento fazem com que as reclamações sobre o banco crescessem quase 10 vezes desde o dia 17 de março. Naquele período, 85 reclamações foram registradas no Reclame Aqui. Nesta quinta-feira (23), foram mais de 700, a maioria sobre a pausa para financiamentos e o auxílio emergencial.

Os aplicativos são a única forma de solicitar a pausa no financiamento de imóvel e gerenciar o auxílio emergencial recebido por meio da conta poupança social da Caixa, no caso de trabalhadores sem conta em banco.

A Caixa prometeu que a pausa do financiamento será feita de forma retroativa a partir do pedido, mas se não há como registrar o pedido, as prestações vão vencer e o cliente do banco não terá outro recurso a não ser pagar o valor. No caso do auxílio emergencial, trabalhadores que já estão em grande situação de vulnerabilidade, ainda que tenham recebido o valor, não conseguem acessar o dinheiro.

 
Em live feita pelo Valor Econômico, perguntado sobre falhas no app, o presidente da Caixa Pedro Guimarães foi evasivo. “Estamos constantemente realizando upgrades”. O presidente disse que o banco está melhorando e pediu desculpas, mas nunca houve uma operação tão grande feita pela instituição financeira. “Até a semana que vem iremos pagar 45 milhões de brasileiros”.

No app Caixa Habitação, quem escolhe o botão para pausar o financiamento de imóveis por 90 dias é redirecionado para uma página que não completa o processo.

A central telefônica parece estar funcionando. Mas a cada momento que a opção de falar com um atendente é escolhida, a ligação é automaticamente desligada.

Revista Exame

ASSINE NOSSA NEWSLETTER