Logotipo SEEB/MR
Logotipo SEEB/MR

Todos contra a Reforma da Previdência

Publicado em
Todos contra a Reforma da Previdência

Enquanto defendem a reforma da Previdência, que enterra a aposentadoria pública no país, grandes bancos lucram com aumento da procura por planos privados

Grandes bancos privados como Itaú, Bradesco e Santander, em notas públicas ou por meio de declarações dos seus executivos, posicionaram-se favoravelmente à reforma da Previdência (PEC 287) pretendida por Temer, que na prática enterra a aposentadoria pública no país. As justificativas “oficiais” vão desde a retomada do “crescimento econômico sustentável” até a “solução dos nossos problemas sociais”. Entretanto, o que os banqueiros não assumem é um interesse bem particular das instituições que comandam: o crescimento da contratação de planos de previdência privada.

 

.

> Em nota, Bradesco defende reformas
> Rial escancara ganância de bancos privados
> Dono do Itaú defende reformas 

Fonte: Sindicato dos Bancários de São Paulo

ASSINE NOSSA NEWSLETTER